Servindo a Deus em tempos de crise

Muitas vezes passamos por períodos de crise. Pode ser uma crise financeira, um período de desemprego, uma crise familiar, conjugal ou mesmo vocacional. E muitas vezes somos chamados por Deus para realizar uma tarefa difícil num tempo de crise. Talvez seja assumir um ministério na igreja, criar um filho especial, ou mesmo ser agente de reconciliação em meio a um grande conflito. Isso pode ser bastante esgotador. Afinal, como é possível permanecer fiel e obediente mesmo em tempos em que parece que tudo pode ruir? O que é preciso para suportar as tarefas mais difíceis, nas piores condições possíveis?

Continue lendo “Servindo a Deus em tempos de crise”

Do ressentimento ao perdão

O perdão mútuo deve ser uma marca da igreja. O cristão deve ser aquele que perdoa.[2] Nem mesmo a adoração é possível se não houver perdão (Mt 5). Mas falar é bem mais fácil que fazer. Um dos principais empecilhos para o perdão mútuo é o ressentimento. O ressentimento é aquilo que acontece quando nos recusamos a nos reconciliar, quando deixamos a ira contra o irmão apodrecer no coração, e se manifestar em atitudes pecaminosas. O que devemos fazer quando estamos amargurados, magoados com alguém? E como nós podemos nos ir do ressentimento ao perdão?

Continue lendo “Do ressentimento ao perdão”

Um verdadeiro recomeço para o Novo Ano

Você já fez suas resoluções para 2019? Para muitos o ano novo traz uma esperança de recomeço e com ela a empolgação para traçar novas metas e objetivos. Isso é algo bom e saudável. Contudo, para outros (eu me incluo aqui) o ano novo traz a lembrança de que o ano que se passou não foi tão bem como se esperava. A empolgação do ano anterior não durou sequer um trimestre. Fizemos resoluções e logo nos esquecemos delas. Traçamos objetivos e eles se perderam no caminho. E aquela dieta? E a rotina de exercícios? E o devocional diário? Só nos resta a frustração…

Continue lendo “Um verdadeiro recomeço para o Novo Ano”